A Associação

A Associação MARAnimais – Movimento de Apoio e Reinserção de Animais,  foi constituída a 21 de Dezembro de 2007 e é uma associação sem fins lucrativos. Está sediada em Cortegaça, Ovar. Além do Concelho de Ovar actua nas zonas limítrofes, como é o caso de Espinho, Santa Maria da Feira e Gaia (Sul).

Temos um abrigo na zona de Paramos/Esmoriz com capacidade para 50 cães. Não temos gatil.  Actualmente, os gatos que temos estão em casa de voluntários e de Famílias de Acolhimento Temporário.

Somos um grupo muito pequeno de pessoas com uma enorme paixão pelos animais.

Pretendemos de um modo simples e sucinto alcançar os seguintes objectivos:

– Sensibilizar a população para a necessidade de esterilizar os seus animais como forma de combater a sobrepopulação animal.

– Criar Famílias de Acolhimento Temporário (FATs), isto é, pessoas que gostem de animais e que queiram ajudar, acolhendo temporariamente um animal, ou até que este seja adotado. Estes colaboradores são fundamentais, principalmente nos casos de bebés ou de animais que estejam a fazer algum tratamento recomendado pelo médico veterinário.

– Estabelecer uma rede de comunicação entre as pessoas que têm animais abandonados e as que pretendem adotar um animal.

– Ajudar todas as pessoas que desejam adquirir um animal de estimação, no sentido de as incentivar para a adoção em vez da compra, orientando-as para a opção mais adequada, tendo em conta o tamanho, a raça, o comportamento e a idade do animal, assim como a personalidade e os objectivos por parte do futuro dono.

-Acolher, tratar, esterilizar e reencaminhar para adopção animais que se encontrem em situações de extrema necessidade.

-Controlar colónias de gatos e matilhas de cães, através da esterilização e castração dos animais adultos, recolha e posterior adoção das crias.

– Proporcionar o máximo de apoio e informação às pessoas que adotam os animais, quer sob o ponto de vista veterinário, quer relativamente à educação e adaptação do animal à futura família.

– Realizar palestras, colóquios, visitas de estudo, sessões de esclarecimento, divulgação nos meios de comunicação, campanhas de adopção e divulgação.

– Promover visitas a hospitais, lares de terceira idade, escolas e todas as instituições que desejem beneficiar da alegria e atenção que os animais são capazes de dar e transmitir aos mais carenciados, sob o ponto de vista físico e mental.

Resumindo todos estes tópicos:

Queremos combater o abandono e maus tratos de animais, reforçando os laços entre o Homem e o Animal em benefício de ambos!